NOVIDADES

Mate o leão certo

11 de novembro, 2015

Walter Palmer, um dentista norte-americano de Minessota, gostava de caçar grandes animais na Africa com seu arco e flechas. Mas no seu último safari ele matou o leão errado. Cecil, era o macho alpha de um bando de leões com 24 filhotes e muito querido e conhecido por todos os que frequentavam o parque de Zimbábue. A notícia se espalhou como pólvora e uma indignação mundial surgiu.

Após a revelação do assassino suas contas nas mídias sociais foram investigadas para obter mais informações sobre a sua vida fora da selva. Rapidamente foi exposto processos e outras situações em que ele está respondendo na justiça. Sua reputação no Yelp – site referência nos EUA sobre serviços – foi arruinada. Suas contas no twitter, facebook foram apagadas, o site saiu do ar e a sua clínica fechou as portas.

Vivemos hoje em uma “aldeia global”, matar um leão na África pode gerar uma tragédia na sua vida pessoal e profissional mesmo estando a mais de 6000 km de distância. Tudo se sabe, tudo se ouve, tudo se fala e tudo pode ser viralizado.

Esse novo ambiente propicia ameaças mas também oportunidades. Um planejamento mal executado pode gerar maleficios permanentes a uma marca mas , o contrário também é verdadeiro, uma ação bem executada pode potencializar e elevar a reputação de uma marca rapidamente.

Porque, hoje em dia, para as marcas, mais importante do que “matar um leão por dia” é matar o leão certo.

Copyright © 2016 - Basic | Marketing de Performance.